TRAIÇÃO SUA DOR E LIBERTAÇÃO

Este tempo da QUARESMA nos faz refletir no tema da traição e ingratidão.

“Os falsos amigos são como aves de arribação. Se faz bom tempo eles vêm, se faz mau tempo eles vão. ”

E sempre haverá ingratidão, traição e decepção! 

Desde que o mundo é mundo sempre existiu, assim foi com Jesus que foi traído, foi negado … Judas beijou a face de Jesus, após secretamente em conluio com homens invejosos, o traiu. Imagine a dor de Jesus em ver um dos seus melhores amigos, Pedro, o traindo negando três vezes, querem decepção e traição maior que essa?

Hoje podemos nos sentir traídos, por acordos quebrados, parceiros que acreditávamos que estavam caminhando sobre o mesmo compromisso e lealdade, por líderes que sua palavra é facilmente comprada por um valor monetário tão insignificante diante do valor de uma amizade. Por colegas de trabalho e ministério que que pela ganancia e inveja cometem traição. Quem sabe sua dor seja por ter investido, afetivamente em um relacionamento, e se descobre que você foi preterido (a).

Não tenho receita de bolo para enfrentarmos a dor da decepção, da traição, da mentira, da falsidade, que não faz o traidor não olhar em seus olhos. Minha recomendação, confie em Jesus. 

Por dois motivos: 1º Ele saber a dor de ser traído, ele sabe o que você está sentindo. 2º Ele, Jesus, jamais irá te trair, mentir, de deixar na mão.

Hoje me sinto traído. Mas com uma certeza, Jesus vamos superar.

† Dom Markos Leal

Comentário