NOSSA IGREJA IRMÃ

A Petite Eglise Apostolique Vieille Catholique nasceu durante a Concordata de Napoleão Bonaparte em 1801 na França. Um grupo de bispos franceses se negaram a aceitar a Concordata entre a Igreja Romana e Napoleão Bonaparte. Perseguidos, presos e mortos, transformaram a religião em coisa de família, ou seja, as comunidades eram muito fechadas e suas capelas eram feitas em móveis fechados e só abertos quando do momento da celebração.

Com a perda de bispos e padres ordenados, os homens ou mulheres mais velhos da comunidade se tornavam presidentes do consistório leigo, faziam orações, liam as escrituras e batizavam.

Posteriormente a Igreja da França (galicana) e a Igreja da Inglaterra ordenaram e sagraram padres e bispos para a Petite Eglise que em comunhão com a Igreja da Inglaterra passou a denominar-se Petite Eglise Apostolique Vieille Catholique.

Em 1969 foi estabelecido um Sínodo para unir as Igrejas Francofónas e depois agregar as comunidades do mundo inteiro.

Atualmente Monsenhor Jean Christian VESTRAET é o arcebispo primaz para o mundo, o 14º pai espiritual da PEAVC.

Em 2009- Monsenhor Rogério Sidaoui integrou o Sínodo da PEAVC e se tornou o Metropolita para o Brasil e América Latina.[i]

A PEQUENA IGREJA APOSTÓLICA GALICANA juntamente com sua Igreja Mãe Petite Eglise Apostolique Vieille Catholique, reconhece a IGREJA EPISCOPAL CRISTÃ BRASILEIRA – Ministério Orando Família como sendo parcela provisória e reformada da Igreja de Jesus Cristo, Una, Santa, Católica e Apostólica, através dos decreto canônico da BULA DE INTERCOMUNHÃO mútuos fica reconhecido os sacramentos de ambas as Igrejas, promove-se cooperação eclesiástica sem no entanto haver interferência nas questões administrativas e disciplinares. (Bulas Canônicas abaixo).

Gratos a sua Graça, Pai em Deus Monsenhor Rogério SIDAOUI, bispo primaz da instituição supra citada (NOSSO PRIMAZ ESPIRITUAL), por abrir o diálogo e sua comunhão a nossa comunidade e episcopado.

Nossos objetivos como “pequenas igrejas” é sermos hospital de almas, sarando feridas, curando os traumas, revitalizando as forças dos cansados, ser farol para o mundo em trevas.

Em Cristo,

Abraços. Pax Et Bonum

† Dom Markos Leal – Bispo da Igreja Episcopal Cristã Brasileira

[i] http://pequenaigreja.blogspot.com.br/

Comentário